quarta-feira, 3 de maio de 2017

Barcelos - Programação diversificada marca agenda do Teatro para maio

O Teatro Gil Vicente recebe o mês de maio repleto de atividades para todas as idades. Os mais pequenos podem ver a representação de “Os Três Porquinhos”, uma encenação e adaptação da autoria de A Capoeira – Companhia de Teatro de Barcelos, com espetáculos em vários dias e com várias sessões por dia (consultar programa). “Os Três Porquinhos” é uma fábula cujos personagens são exclusivamente animais que encantam as crianças.
Ainda na representação, a Companhia TACCO apresenta “Mentiras e Trapaçadas”, no dia 13 de maio, às 21h30, e no dia seguinte, à mesma hora, a peça de teatro “República das Mulheres” é apresentada pelo Teatro Popular de Carapeços.
“Conversas Sérias com Marta Gautier: O Que Farias Se Não Tivesses Medo?” sobe ao palco no dia 19, às 21h30, com a vertente solidária, em que o valor dos bilhetes será atribuído a uma associação barcelense. E a fechar as peças de teatro, o Teatro Farol promove um espetáculo para famílias, no dia 28 de maio, às 16h00, com a peça “A Lebre e a Tartaruga”.
Mas ao palco subirão também artistas na área musical, iniciando com O Grupo de Fado "Memórias de Coimbra" que atua no dia 5, às 21h30, num encontro feliz de academias e de gerações. O Grupo de Fado é constituído por antigos estudantes das Universidades de Coimbra, Porto e Minho das décadas de 50, 60 e 70 do século passado. Une-os, não só o grande amor pela Canção de Coimbra (fados, baladas e variações), mas também o anseio de preservar e divulgar os valores histórico-culturais, o espírito e a paixão de uma manifestação musical de inegável valia artística.
Ainda no âmbito da música universitária, a Tuna Feminina do IPCA promove o XI Capas Traçadas – Festival de Tunas Femininas da Cidade de Barcelos, no dia 20, às 21h30.
No dia 26, às 22h00, e no dia 27, às 21h30, voltam a palco espetáculos musicais com Hugo Torres Acústico e com o Concerto de Orquestra com Solistas do Conservatório de Música de Barcelos, respetivamente.
Também a sétima arte marcará presença no Teatro Gil Vicente, com a Associação ZOOM a exibir quatro películas: no dia 9, às 10h00, inserido no Plano Nacional de Cinema, “Adeus Pai” de Luís Filipe Rocha”; “A Morte de Luís XIV” de Alberto Serra, no dia 11, às 21h30; Ciclo Wim Wenders – Amigo Americano, no dia 25, às 21h30; e “Outro País” de Sérgio Tréfaut, às 14h30, no dia 31.
O cinema tem presença reforçada no mês de maio com “As Sufragistas de Sarah Gayron” comentado por Augusta Trigueiros, no dia 15, às 21h30; no dia 17, inserido na programação sénior, voltará a ser exibido “Lutaram Como Diabos: Barcelos na Grande Guerra”, às 14h30, e no dia 23, às 21h30, passa o filme “Nascido em Angola” de Rui Goulart.
Pedro Carvalho apresenta no dia 21, às 16h00, um workshop para famílias de dança e literatura intitulado “Livros a Mexer” e, durante todo o mês de maio, pode visitar, no átrio, a exposição de fotografia “Olhares” de Anabela Alves.
Os bilhetes para assistir aos espetáculos no Teatro podem ser adquiridos no local, ou através de reserva por e-mail (tgv@cm-barcelos.pt) ou telefone (253 809 694). Consulte no cartaz os espetáculos pagos e gratuitos.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Nota: só um membro deste blogue pode publicar um comentário.